O condomínio Reserva DNA localiza-se na Praia Grande em Ubatuba, de frente para o mar, com a Mata Atlântica entrando no terreno pela parte posterior. O terreno também possui uma entrada lateral que é acessada por uma rua menos movimentada.
Como em todo projeto no litoral, a vista para o mar é o ponto mais valorizado. Para isso, todos os apartamentos estão dispostos a 45°, o que favorece essas visuais. Grande parte do empreendimento está voltada para o mar, e a outra parte, de forma espelhada, voltada para a Mata Atlântica. Este é o caso das vistas de dentro dos apartamentos. Se a vista do mar é ponto crucial neste tipo de empreendimento, porque não democratizá-la? Pensando dessa forma, toda a cobertura do edifício foi tratada como uma extensão da Mata Atlântica, tornando-se um grande jardim, com passeios e áreas de estar para apreciar as vistas do mar e da mata do ponto mais alto permitido pela legislação local, tornando-se um enorme mirante.
A Praia Grande é uma praia de veraneio, onde o usuário vai em busca do lazer. Para atender essa ideia em sua plenitude, a área de lazer foi tratada como protagonista. Foi elevada do térreo, e transferida para uma torre unicamente de lazer, localizada no coração do empreendimento, com vistas "chapadas" tanto para o mar, quanto para a Reserva Atlântica. Os pavimentos foram concebidos como grandes terraços, e seus ambientes locados em caixas de vidro. Rasgos nas lajes e o grande jardim central com pé direito triplo, conecta visualmente os ambientes. Em sua cobertura, situa-se a piscina descoberta, uma grande área ensolarada sem interferência de sombras dos edifícios ao redor.
O projeto leva em consideração seu impacto urbano. Todo o acesso de veículos é feito pela entrada lateral, desafogando a principal avenida da região. Na fachada principal, foram recuados os dois últimos pavimentos, para que o edifício ficasse mais agradável a escala do pedestre, minimizando seu impacto visual.
Além das unidades habitacionais, o empreendimento possui quatro lojas comercias no térreo, de frente para a avenida da praia. Entre as lojas criou-se um boulevard coberto, uma área de convívio social muito importante para a região devido as constantes chuvas. Através do boulevard se dá o acesso de pedestres ao condomínio.
Back to Top